Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

há mar em mim

Este janeiro gelado

Este janeiro gelado tem sido difícil para mim. Já anunciei cá por casa que pretendo riscá-lo do calendário de 2017, na esperança que esse risco leve consigo os consecutivos episódios de má memória que têm acontecido ao longo deste mês. É um mês que ainda não acabou e já cansa.

 

Por mim, já decidi, assim que ele se for de vez não se toca mais no assunto, para não transportar qualquer má sorte para os seus sucessores.

 

Bom, como eu não gosto de me lamentar muito, só o suficiente para aliviar o stress e a ansiedade causados por tempos desafortunados, procuro sempre rir-me dos problemas, encontrar algo de cómico neles e rir à gargalhada e neste campo não estou sozinha, pelo contrário, tenho um marido maravilhoso que me segura na mão e que tem uma gargalhada tão audível quanto a minha. E assim vamos, rindo dos problemas, contornando-os juntos e vendo sempre o lado brilhante da questão, em vez do lado fosco.

 

Vou deixar-vos esta divertida música que, quanto a mim, tem um vídeo igualmente gracioso e é suficiente animada para nos fazer sorrir neste/deste janeiro terrível, que se tem mascarado de cordeiro para atacar através dos seus dias solarengos.

 

11 comentários

Comentar post