Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Há mar em mim

Este é um blog onde cabe um pouco de tudo. Imenso como o mar. Haverá opiniões, ideias, fotografias, textos rabiscados, será uma extensão de mim. Se chegou até aqui, detenha-se e sinta-se bem-vind@.

Há mar em mim

Este é um blog onde cabe um pouco de tudo. Imenso como o mar. Haverá opiniões, ideias, fotografias, textos rabiscados, será uma extensão de mim. Se chegou até aqui, detenha-se e sinta-se bem-vind@.

Notícias que me deixam à beira de um ataque de nervos

Pelo título conseguem adivinhar ao que me refiro?

Li isto. Várias vezes. Não queria acreditar. 

Sinto que o mundo está em pleno retrocesso e custa-me a acreditar. Despenalizar a lei da violência doméstica em pleno ano 2017?! Como é isto possível???

Trump, Le Pene, Putin, Estado Islâmico, Coreia do Norte... Não consigo deixar de estremecer ao pensar nesta mistura explosiva. 

Ainda nem 80 anos passaram da atrocidade que foi a segunda guerra e eu vejo uma série de lunáticos desejosos de voltar a semear o medo, de voltar a instigar à violência, ao racismo, à xenofobia. Desejosos de medir forças, apontar o dedo, descriminar. Ávidos de sangue e de que os seus nomes fiquem associados a feitos que ocupem lugar na História pelas piores razões. 

Esperava que o mundo evoluísse positivamente e que as várias atrocidades por que já passamos não se voltassem a repetir, mas o cenário não está nada favorável. Temos um planeta extraordinário, que nos oferece a possibilidade de viver uma vida plena, mas os seres humanos nunca estão satisfeitos e não olham a meios para atingir os seus terríveis fins. 

 Imagem retirada daqui.

6 comentários

Comentar post