Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

há mar em mim

há mar em mim

#2 Banalidades

05.01.18 | C.S.

Vamos lá saber...

 

- Quem é que, tal como eu, já anda louca/o a delinear as férias de 2018? 

É que não consigo evitar, só a possibilidade já me coloca um sorriso na cara...

(Imagem aqui

 

- Quem é que, tal como eu, tem uma montanha de roupa para passar a ferro e cada vez que pensa no assunto fica com os olhos rasos de água?

(Imagem aqui)

 

- Quem é que, tal como eu, sofre de uma certa bipolaridade? 

(Imagem aqui)

 

Bom fim-de-semana!!!

#1 Banalidades

04.01.18 | C.S.

- Foi um dia de muito trabalho, por isso ainda não tinha tido um tempinho para vir até cá. 

 

- Ontem tive uma ideia para uma rubrica aqui no blogue, daquelas que requerem a vossa colaboração. Vou pensar mais sobre o assunto e decidir se vou para a frente com ela, é que uma das coisas que mais gostei de fazer aqui no blog, neste último ano, foi Às quintas viajamos..., quem se lembra? 

 

- Estou a abordar a temática das tecnologias com os meus alunos e, perante um texto que dizia que os pais acham que os filhos passam demasiado tempo ao telemóvel, foram unânimes em considerar que os pais também passam, simplesmente não o admitem e não têm quem os chame à atenção. Fiquei a pensar nisto... Será um daqueles temas: "Faz o que eu digo, não faças o que eu faço."? Qual é a vossa opinião?

 

- Convido-vos, mais uma vez, a aderirem ao desafio que vos propus aqui. Já recebi fotos giras, mas tenho de ser sincera e dizer-vos que não está a ter muita adesão. 

O que é que não trouxe comigo para 2018 e começa por F?

03.01.18 | C.S.

Se a vossa resposta foi Facebook, parabéns, acertaram em cheio. 

 (Imagem aqui)
 

O Facebook foi, durante muito tempo, A rede social. Não havia nenhuma que lhe fizesse frente. Mas isso mudou, pelo menos para mim. E não só para mim. Julgo, sem ter quaisquer dados, que esta rede social está num período de decadência. 

Há muito tempo, diria que há mais de um ano, que o Facebook me andava a incomodar. 2017 foi, muito provavelmente, o ano em que menos publiquei no Facebook e eu nunca fui de publicar muito. 

Esta rede social tornou-se um palco de vaidades, um local onde as pessoas gostam de aparentar e mostrar muito mais que a realidade. O Facebook tornou-se o espaço das vidas idealizadas.

Começou a incomodar-me que todos achem perfeitamente normal partilhar o que almoçam, a que horas escovam os dentes ou as declarações de amor que deveriam ser feitas em privado, mas que passaram a ser acessíveis a todos, chegando à ridícula situação de se dedicarem palavras a recém-nascidos, escritas na segunda pessoa do singular, como se o bebé fosse ler aquela mensagem. 

Há quatro dias que não tenho Facebook e foi a melhor decisão que tomei para este início de ano. Não sinto qualquer necessidade de aceder a um espaço que desvirtua a realidade e está sempre pronto a acusar sem olhar a meios. A rede de Zuckerberg tornou-se um espaço de acusações fáceis e que não necessitam de fundamento. 

Quantas notícias falsas circulam por lá sem que ninguém questione a sua veracidade? É de tal forma que há uns meses alguém decidiu partilhar comigo a notícia de que iria abrir uma Disneyland em Loulé, pensando, claro está, que a notícia era verdadeira e que ia alegrar os meus dias. Isto já para não falar das mensagens em corrente, que caso não sejam (re)passadas trarão 20000 anos de azar. 

No último dia do ano de 2017 decidi dizer basta. Basta de Facebook. Sem direito a despedidas, saí de fininho, como quem sai de uma festa tremendamente aborrecida. 

 

 

Não se esqueçam de participar no desafio que vos lancei ontem. 

Beijocas e bom dia!

O há mar em mim vai fazer um ano...

02.01.18 | C.S.

...e eu vou comemorar convosco! 

 

 (Imagem aqui)

No dia 9 de janeiro o há mar em mim cumprirá um ano de existência.

Este blogue tem sido muito mais que um passatempo e a culpa disso é também vossa. Porque me acompanham a cada dia e têm a bondade de vir aqui ler o que a mim me apetece escrever/publicar, sim, porque já aconteceu ser só uma foto, por exemplo. 

 

Por isso, tinha vontade de vos agradecer e não sabia bem como...

 

Até que se fez luz! 

 

Tive uma ideia que creio ser divertida, tanto para mim, como para vocês. E julgo que é simples. 

 

Vamos lá...

 

Quem é mais assíduo deste espacinho sabe que eu gosto de fotografias, certo? Vai daí que vou fazer uma espécie de concurso... 

Não se assustem é coisa simples. 

Até ao dia 8 podem (e devem!) enviar-me uma foto que acham que serve para comemorar este 1.º aniversário do há mar em mim para o mail:

hamaremmim@gmail.com 

Eu irei ver as fotos e escolher a que mais gosto e se adequa ao desafio. E no dia 9, às 10h, o vencedor será anúnciado aqui no blog e irá receber em casa estes dois miminhos.

 

Fotor_151473147345330.jpg

 Escolhidos com muito carinho: uma bolsa para os óculos de sol e uma luz usb, para vos ajudar a ter ideias brilhantes.

 

Também publicarei todas as fotos, com indicação do respetivo autor, no blog. 

 

 

Que tal?

Vamos lá celebrar juntos!

 

P.S.: Sintam-se à vontade para divulgar o desafio, sim?  Obrigada!

Pág. 3/3