Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

há mar em mim

30
Jan18

Ainda não será desta...

C.S.

Às vezes acho que na minha adolescência não vivi no Alentejo, mas sim numa bolha.

Em certos aspetos...

Já lá chego. 

Sei que isto não é uma questão de geografia. Provavelmente está mais relacionado com a humildade da família de onde provenho. 

Ir a Lisboa era algo raro.

Se o motivo fosse ir um concerto, a uma peça de teatro ou a um museu... Então, não era um motivo. Na medida em que nunca aconteceu. 

Este tipo de espetáculos não despertavam interesse lá por casa. Ouvia-se música, claro, mas não se ponderava ir à capital assistir a um concerto.

Parecia distante e caro.

Hoje escrevo-vos isto e parece-me algo estranhíssimo, mas é a mais pura verdade. 

Tenho 31 anos e nunca fui a um festival de verão.

Acreditam? Um festival daqueles que juntam muita gente e bandas de renome, sabem? Um daqueles onde toda a gente já foi?

Eu não fui.

Nos últimos anos tenho desejado ir, mas ainda não se proporcionou. 

Achei que este ano é que era. 

2018 seria o ano em que a C.S. iria a um festival de verão. 

E depois disseram que os Pearl Jam viriam ao NOS Alive. 

Ouro sobre azul.

Grande estreia.

É desta que vou!...

E depois pestanejei e todos os bilhetes tinham esgotado. 

Parece que fico em casa mais uma vez. 

Não tenho mesmo experiência em comprar bilhetes para estes grandiosos eventos...

(Imagem aqui)

 

(Eu sei que os bilhetes já esgotaram há imenso tempo, não sou assim tão ingénua. Não pensem que fui à procura de bilhetes ontem. Mas ontem é que me apeteceu escrever sobre o assunto.)

 

2 comentários

  • Imagem de perfil

    C.S. 30.01.2018

    Sim, compreendo o que dizes. Eu gosto de ver concertos mais intimistas, sim. Mas pela experiência gostava de ir a um festival como o NOS Alive, mas não me vejo a ir a um festival, hoje em dia, e ir para lá acampar...
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Direitos de Autor

    Todos os textos contidos neste blog, regra geral, são da minha autoria e, caso não sejam, serão devidamente identificados. Qualquer reprodução de um texto aqui publicado só poderá ser feita mediante a minha autorização. Para qualquer contacto ou esclarecimento adicional: hamaremmim@gmail.com Obrigada

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2017
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D