Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

há mar em mim

23
Set17

Banalidades ou a compra de um relógio

C.S.

Com o início do novo ano letivo senti a necessidade de comprar um novo relógio.

Ontem lá fui em busca do que pretendia. Não queria gastar muito dinheiro, (ou não podia...), mas também não queria andar com uma coisa horrorosa agarrada ao meu pulso o dia inteiro. Que uma pessoa é pobre, mas gosta de manter algum estilo, não é verdade?

Vi uma loja, outra e mais outra... E só gostava dos que custavam de 100€ para cima, pensei que me estava a boicotar a mim própria. Até que entrei numa que tinha uma marca que não conhecia, mas da qual gostei bastante: Watx.

Adorei o conceito, porque podemos mudar de bracelete com muita facilidade e há imensas cores e padrões à escolha. Cada bracelete custa cerca de 13€ e o relógio ronda os 36€, portanto, não é nada caro. Se querem confirmar as possibilidades que têm à vossa disposição podem ir aqui.

Eu não queria nada muito extravagante e tinha como critério que fosse uma cor que conjugasse facilmente com outras, (por causa da roupa), acabei por sair da loja com este:

2017-09-22.png

(Imagem aqui)

 

 Mas tenho de vos dizer que tive este bebé no pulso:

(Imagem aqui)

Apaixonei-me. É um smartwatch da Michael Kors. Além de ser lindo é um relógio com centenas de possibilidades, pois permite-nos mudar o seu aspeto sempre que queremos, para além de dar para emparelhar com o telemóvel, tem lanterna e microfone incorporado... Resumindo: um brinquedo maravilhoso e cheio de estilo.

Estava em promoção, custava 299€, demasiado para o meu bolso. Mas deixou-me a suspirar.

Disse ao A. que se me saísse o euromilhões iria comprá-lo.

Não saiu...

Tenho-me portado bem, mas julgo que o Pai Natal também não terá possibilidades de o fazer chegar cá a casa.

Contento-me com o meu Watx e a possibilidade de qualquer dia poder mudar a bracelete.

 

Beijinhos e bom sábado.

06
Mai17

Sobre a última semana...

C.S.

Bom dia! Bom sábado!

 

Sim, é sábado, a semana já lá vai e hoje é dia de aproveitar, mas antes de sair para a rua, antes de ir explorar as oportunidades que este dia me trará, existem algumas coisinhas sobre as quais gostaria de refletir, esperando depois ter feedback da vossa parte, pois preciso de ajuda para compreender algumas questões...

 

Cá vai...

- na semana que passou trabalhei demasiado. Ninguém deveria trabalhar demasiado, pois o cansaço acumula-se e os níveis de stress andam em alta;

- a Joana Vasconcelos fez um terço gigante, para colocar em Fátima, pois os portugueses querem receber o Papa com pompa e circunstância, ainda que este Papa dispense excessos;

- ainda sobre o terço, parece-me curioso que um símbolo religioso esteja a ser usado para enxovalhar publicamente (mais uma vez) a Joana Vasconcelos, que é uma artista que não agrada a todos, mas que foi convidada para ser a primeira mulher a expor a sua obra no Palácio de Versalhes;

- neste momento vive-se em Portugal um aceso conflito entre os setores publico e privado, porque este último também queria ser dispensado para ir ver o Papa;

- outro motivo de ódio publico regista-se ao nível das escolas portuguesas, parece que os encarregados de educação querem linchar os professores porque, na sexta feira, dia 12, parece que também não terão de trabalhar, porque as escolas são públicas e, seguindo as diretrizes, do governo irão encerrar portas;

- o Cristiano Ronaldo acabou com o Atlético de Madrid, em três tempos, no entanto, não é suficiente para deixar de ser assobiado;

- por fim, nunca o dia da mãe foi tão importante, nunca houve uma tão grande necessidade de demonstrar afeto, pois os estabelecimentos comerciais andam loucos, fazendo-nos já relembrar a época natalícia, e as marcas fizeram o favor de me inundar o telemóvel com mensagens escritas e e-mails, não vá eu esquecer-me da minha mãezinha.

 

E é isto. Agora sim, sinto que posso ir aproveitar o meu sábado.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos de Autor

Todos os textos contidos neste blog, regra geral, são da minha autoria e, caso não sejam, serão devidamente identificados. Qualquer reprodução de um texto aqui publicado só poderá ser feita mediante a minha autorização. Para qualquer contacto ou esclarecimento adicional: hamaremmim@gmail.com Obrigada

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D