Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

há mar em mim

07
Dez17

No último fim-de-semana de novembro dei um saltinho à Madeira

C.S.

Foi a primeira vez que pisei solo Madeirense e não poderia ter ido melhor acompanhada. Fui com o A., a minha irmã e a fofíssima da B..

A viagem começou aqui. A surpresa não poderia ter corrido melhor. A B. não fazia ideia de que a ia buscar à escola, muito menos que iria viajar no dia seguinte. 

Quando cheguei à escolinha dela disseram que os familiares dos meninos do 1.º ano poderiam ir buscá-los à respetiva sala de aula. Lá fomos. A minha irmã à frente. Eu fiquei mais para trás propositadamente. A B. saiu e gritou "mamã", enquanto distribuía beijinhos, nisto olha para mim e os olhinhos dela iluminaram-se, quase que chorou de emoção. Ela tem 6 anos! Depois de beijos e abraços apertados gritou para uma amiguinha: "Esta é a minha tia, é muito minha amiga e eu gosto muito dela". 

Abandonámos a escola e fomos lanchar. Hora de revelar o propósito da surpresa. E a reação, como seria de esperar numa miúda que acha tudo magnífico (até uma banal ida ao parque), não poderia ter sido melhor. Mas, como aluna responsável que é disse: "temos de avisar a minha professora". Rimos. Expliquei-lhe que estava tudo tratado. 

 

WaterMark_2017-12-06-23-02-41.jpeg

 

Quinta-feira de madrugada lá fomos os quatro para o aeroporto de Lisboa. Nos dias que antecederam a viagem havia previsão de ventos fortes, mas felizmente não se confirmou e o voo foi super tranquilo. Voámos pela EasyJet, que em setembro tinha os bilhetes super baratos para a Madeira. 

 

No primeiro dia andámos completamente à deriva pela ilha, sem plano traçado, parando onde achávamos que valia e pena. 

 

WaterMark_2017-12-06-23-03-43.jpeg

 

No segundo dia começámos a explorar o Funchal, subimos até ao Monte de teleférico, que nos oferece uma maravilhosa vista desta cidade tão singular, e descemos nos tradicionais cestos. Uma experiência imperdível, sem dúvida. Depois fomos descendo a pé. Descendo, descendo, descendo... Uma descida que não parecia ser grande, mas que se revelou longa. Neste aspeto pode-se dizer que o Funchal engana. 

 

WaterMark_2017-12-06-23-07-34.jpeg

 

Almoçámos junto ao Mercado dos Lavradores, um local que também merece uma visita. Que belíssimas frutas que a Madeira tem para nos oferecer. Eu fiquei especialmente deliciada com a variedade de maracujás. 

 

WaterMark_2017-12-04-23-58-01.jpeg

 

Depois, para satisfazer um desejo da B. fomos ao museu do CR7. Ela ficou super contente. E sobre este ponto está tudo dito. 

 

(Continua)

 

 

30
Nov17

Idealmente...

C.S.

Sim, idealmente e segundo o que tinha pensado, hoje estariam a ler uma espécie de Às quintas viajamos... feito por mim própria e baseado na recente viagem que fiz à Madeira. Era o que estava planeado.

 

Acontece que na semana passada, após a toma de um potente antibiótico, livrei-me das 3 semanas de tosse. Pelo menos era o que eu pensava. Tudo parecia estar encaminhando. Segunda-feira estava tudo bem, na terça-feira cheguei a casa extremamente cansada e com uma terrível dor de garganta e ontem, após um dia em que fui professora, mas sobretudo psicóloga, cheguei a casa de rastos. Doía-me todo o corpo e nem um dedo me apeteceu mexer.

 

Resultado: hoje não haverá Madeira para ninguém, mas deixo -vos algumas fotos para criar alguma curiosidade para quando o post aparecer. Isto se eu sobreviver. (So much drama, I know!)

 

 

04
Mai17

2. Às quintas viajamos...

C.S.

Prontos para mais uma viagem? 

 (Imagem aqui)

Esta quinta feira a nossa convidada tem, não um, mas dois PP's. Já nos habituou aos seus relatos cheios de humor e no seu blog tem uma rubrica que eu adoro ler: Que música te faz ficar no carro?.

Se eu vos dissesse que ela escreveu este texto que a seguir vos apresento em minutinhos? O processo foi mais ou menos este: sim, aceito e...puff! Já tinha o texto comigo. Deve ser coisa de mãe, de facto elas trabalham a uma velocidade muito superior à dos comuns mortais.

Sem mais demoras, o Há mar em mim tem o pazer de vos trazer a mãe dos PP's:

 

Bom dia a todos!
Foi com muito agrado que recebi o convite para a rúbrica que iniciou recentemente no Há mar em mim (estou tão vaidosa ). Agradeço de coração o convite e é com muito gosto que estou aqui hoje.

Então vamos a isto: 
Confesso que um dos meus sonhos é viajar muito, mas nesta fase da minha vida não é possível, até porque casei com um rapaz que tem medo de países alheios ahahhahahaahahhah .

Já fui de férias a Palma de Maiorca, já passei uma semana em Roma e também já fui a Lourdes, em França. Gostei de todos estes destinos por razões diferentes: Fui a Palma de Maiorca na minha viagem de finalista e foi uma alegria, não lavar pai, nem mãe, nem horas . Roma, era um sonho antigo e fui participar da Canonização de Nuno de Santa Maria, o Santo Condestável, ainda com o Papa emérito, Bento XVI (fartei-me de comer massinha ). Quando fui a França, fui visitar o local das Aparições de Nossa Senhora de Lourdes a Santa Bernardete (vocês sabem que eu sou uma santidade de pessoa ). No entanto, quando fiz estas viagens era solteira, ainda não tinha encontrado o pai dos PP´s (que andava desesperado à minha procura ). Por isso, a viagem que mais me marcou foi quando fui de lua de mel, à Madeira! Aí já tinha o meu homem e tudo foi mais interessante. A começar pela viagem de avião em que me ri imenso porque ele se borrou de medo. Chegados ao aeroporto, fomos tratar do carrinho e assim que nos metemos à estrada, vimos vacas, tantas vacas, assim do tipo, se eu metesse a mão fora do carro podia fazer-lhes festinhas. A comida é maravilhosa, o clima espectacular, as paisagens são de nos levar para outra dimensão. Tem um jardim de flores espectacular (não peçam para falar de como foi o sexo na Madeira, porque estou em blogue alheio) e aquelas casinhas típicas da Madeira... são uma ternura. Passeámos à grande, recordo que andámos de teleférico, de termos tirado imensas fotografias. 
Mas palavras para quê, certamente que vocês conhecem a Madeira.
Gostava de vos deixar aqui uma foto nossa ( mas ninguém merece levar com o nosso trombil) por isso deixo-vos esta tirada da net, é mais inspiradora e menos chocante.

znsj.jpg

 

 

 

 

 

 

Esta imagem fica à beira da estrada, recordo-me de haver imensos carros parados e de pessoas beberem a água que corria.

 

jhbjh.jpg

 

 

 

Também estivemos aqui. É uma réplica do nosso Cristo Rei de Almada, mas este está na Madeira.

 

Espero que tenham gostado! Foi um gosto!

 

Já foram à Madeira? Eu tenho de confessar que ainda não passei por lá. Mas é um destino que faz parte da minha lista, claro. No entanto, tenho um certo medo de me cruzar com o busto do Ronaldo. Coisa feia!

Espero que tenham gostado da nossa companhia. É sempre um gosto ter-vos por aqui.

À mãe dos PP's envio um grande beijinho e um abraço.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos de Autor

Todos os textos contidos neste blog, regra geral, são da minha autoria e, caso não sejam, serão devidamente identificados. Qualquer reprodução de um texto aqui publicado só poderá ser feita mediante a minha autorização. Para qualquer contacto ou esclarecimento adicional: hamaremmim@gmail.com Obrigada

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D