Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

há mar em mim

há mar em mim

O Artur

31.01.19 | C.S. | ver comentários (16)
- Hey! Tu aí... Sim, tu. Tu que olhas para o monitor. Não adianta olhares para o lado ou tentares disfarçar. É mesmo contigo que eu quero falar.  O meu nome é Artur. Nunca saberás se este é o meu verdadeiro nome, mas isso agora não interessa nada. O que interessa (...)

Dou-te a mão e digo: "Vamos!"

28.01.19 | C.S. | ver comentários (8)
Olho pela janela. O sol brilha lá fora para nos enganar. O vento que vem de norte sopra forte e gélido.Tão frio. Encolhemo-nos perante o seu rigor."Quem de dera estar noutro lugar" - penso. Sonho com lugares distantes.Elevo-me.Levo o pensamento para sítios mais próximos.F (...)

#5 Traçados dos dias

25.01.19 | C.S. | ver comentários (8)
Bom dia, minhas gotinhas de orvalho!  Siiiiiiiiiiiiiiim! Estou bem disposta. Sim, é por ser sexta-feira.  Bem sei que os dias são todos para aproveitar da mesma forma, mas o que é que vocês querem? Eu tenho a sensação que os aproveito mais quando não tenho que (...)

Sabes lá tu o que é ser eu!

16.01.19 | C.S. | ver comentários (14)
E tu sabes lá!...Sabes lá o que é andar sempre à pressa, ter a cabeça a prémio só por existir. Tu sabes lá!...O que é chegar a casa já de noite,não ter tempo para mais nada que não seja subsistir. E tu sabes lá!...As horas que passo acordado,a pensar, (...)

É o tempo que nos faz

12.11.18 | C.S. | ver comentários (13)
O tempo é, para mim, um dos grandes mistérios do universo. Não é palpável. Muitas vezes não o sentimos e, no entanto, se olharmos com atenção conseguimos vê-lo.Este fim-de-semana que passou vi O Tempo.Vi-O.Vi-o claramente. Pude observar a forma como ele passa (...)

A feira

08.11.18 | C.S. | ver comentários (5)
Ardem-me os olhos. Estão cansados. É quase hora de ir para a cama. Mas há ruído. Ouço o barulho da feira daqui. Parece-me estranho uma feira em novembro. Cresci num local onde só há feira quando vem o bom tempo. Final de junho.Vivo aqui há 3 anos e ainda não (...)

Espreitar o futuro? Não, obrigada.

07.11.18 | C.S. | ver comentários (22)
Se te deixassem espreitar o futuro querias saber o que ele tem guardado para ti? Um dia destes eu e o A. debatíamos esta questão. Ele foi perentório ao afirmar que não queria saber. Eu ponderei. Acabei por dizer que provavelmente também não espreitaria, mas (...)