Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

há mar em mim

27
Jul17

12. Às quintas viajamos...

C.S.

Bom dia!

Como estão? Já a pensar no fim-de-semana? Na praia? Hum...tão bom...e com este calor não apetece mesmo pensar em mais nada. Ou apetece? Uma viagem...talvez?!

(Imagem aqui)

 

Hoje, no Há mar em mim, tenho o prazer de ter a companhia de uma das miúdas mais queridas da blogosfera, que está sempre pronta para nos encher de mimos, mas que gosta de se manter Desconhecida.

Deixo-vos com a autora do blog 1Simples Desconhecido.

 

Bom, como sabem, ou não, a Desconhecida é de Braga, moça do Norte portanto! Esperem lá, parem tudo!!! Onde é que eu tinha a cabeça, que raio de modos os meus…

 

Minha querida C.S., OBRIGADA! Obrigada por este maravilhoso convite, agradeço de coração!

 

Continuando…

 

Aqui a vossa Desconhecida, a miúda do Norte, teve a oportunidade de ir dois dias até LISBOA! LISBOA, pessoal!

Ok, não parece nada impressionante, mas para mim foi, e o melhor de tudo, fui com os meus melhores amigos até à Capital, sem pais, já estão a imaginar, não é!?

 

DSCF0061.JPG

 

DSCF0062.JPG

 

Pois se não imaginam, eu conto um pedacinho. Chegamos, passemos, instalamo-nos na pousada da juventude. Chega a hora de jantar, saímos, estamos animados, Lisboa não tem nada a ver com a nossa cidade, são sinais de trânsito por todo o lado, é trânsito por todo o lado, multidões de pessoas, espaços amplos e enormes. O que é isto!? Nova Iorque?

 

Encontramos o local para jantar, os amigos deliciam-se com um rodízio de pizzas, ainda hoje se fala nisto, aquilo era tanta, mas tanta pizza… Como era de esperar, ficaram enfartados, fomos caminhar, descemos, subimos, direita, esquerda… Paramos, não sabemos como, mas de repente estávamos num concerto ao ar livre, ficamos mesmo fascinados com tudo isto, há tanta gente nas ruas, há tantas lojas, tantos restaurantes, bares e afins, há tanto movimento, parece que a cidade não dorme!

 

Sentamo-nos no chão a ouvir a música, e no fim!? No fim, um fogo-de-artifício espetacular! Hora de voltar para a pousada, bora lá! Pois, bora lá, mas por onde!? Estamos longe, e agora, chamamos um táxi!? Nada disso… Voltamos à pousada, e querem saber como? Claro que querem, esta é a parte emocionante! Voltamos com um polícia, sim, um dos muitos polícias que por ali andava a controlar, que era conhecido de um amigo meu. Excelente! Que sorte!

 

Esperem lá, somos 8 ao todo, o carro só tem 5 lugares! Estamos rodeados de polícias, a nossa boleia é um polícia, deixamos alguém para trás!? Nada disso… O Sr. Polícia infringiu as regras, as miúdas foram no colinho dos rapazes, ouve muito riso até à pousada, e tudo acabou em bem!

 

DSCF0063.JPG

 

Só uma coisinha, não digam isto a ninguém, combinado!? E já agora, queridos Lisboetas, têm uma cidade linda, e com uns polícias muito porreiros!

 

Beijinhos, A Desconhecida

 

 

Adorei este relato. A miúda conseguiu passar-nos uma imagem de Lisboa vibrante, jovem e festiva, não concordam?

Desconhecida, foi um prazer ter-te por aqui e tens toda a razão, eu não sou Lisboeta, mas também acho que a nossa capital é uma cidade lindíssima.

 

Beijinhos e boa quinta-feira.

13
Jul17

11. Às quintas viajamos...

C.S.

Devemos estar num dos meses do ano em que mais se viaja e só por isso já deveriamos adorar o mês de julho. Não concordam?

(Imagem aqui)

 

Espero que tenham uma ótima quinta-feira e que disfrutem da viagem de hoje.

Julgo que todos conhecem a convidada de hoje, ou não fosse ela uma das pessoas mais acarinhadas aqui da blogosfera e tudo graças à sua enorme simpatia. Já adivinharam de quem se trata?

Dou-vos mais umas pistas: o seu blog oferece-nos sempre histórias hilariantes do seu quotidiano e, neste momento, também histórias sobre a gravidez da sua autora.

Claro que é a Chic'Ana.

 

Em primeiro lugar quero agradecer muito à C.S por este convite. Acredita que estive a ver e a rever as minhas viagens, todas elas marcantes por diversos motivos, mas como só podia escolher uma, tinha de escolher a Madeira.

Foi a minha viagem de Lua de Mel, a primeira grande viagem que fizemos a dois, e como tal, marcou-nos pela positiva e só pensamos em regressar.

DSC00087.JPG

 

Desde o clima, sempre estável todo o ano, com temperaturas que nos permitiram aproveitar para passear, mas também para apreciar as belas praias Madeirenses, à comida, fantástica, o bolo do caco é para mim uma perdição, o peixe espada confecionado de todas as formas possíveis e imaginárias, a bela da espetada em pau de louro.. As paisagens são de cortar a respiração e todo o atendimento, a simpatia sempre presente de um povo com um sorriso no rosto.. Adorei, palavras para quê!?

DSC00129.JPG

 

Peripécias não podiam faltar: desde ficarmos fechados num parque de estacionamento, que pensávamos ser do centro comercial, mas afinal era de um complexo turístico, ao sermos confundidos com estrangeiros, ao apanharmos uma tromba de água que caía de tal forma, que estávamos a uns metros do Hotel e chegámos lá a escorrer por todo o lado (após o toldo do local onde estávamos abrigados se ter desmoronado com a pressão da água)…

Foi uma viagem perfeita e que guardo com muito carinho no meu coração! Se estiverem indecisos sobre o destino ideal, não deixem nunca de considerar a Madeira.

 

O que me dizem? Gostaram?

Conhecem a Madeira ou, tal como eu, ainda não viajaram até lá?

Definitivamente que é um dos locais que tenho mesmo de conhecer.

Ana, obrigada por poder contar com a tua presença aqui. Gosto muito de ti e de partilhar esta aventura contigo, foste uma das primriras pessoas a fazer sentir-me acarinhada aqui no SapoBlogs, obrigada por isso. Beijinhos

29
Jun17

9. Às quintas viajamos...

C.S.

Bom dia, amantes de viagens e aventuras! Como estão?

(Imagem aqui)

Vão adorar a convidada de hoje ou não fosse ela uma das pessoas mais divertidas que por aqui anda e o seu blog é um verdadeiro reino de boa disposição. Diz-se preguiçosa e com pouca paciência, mas não lhe reconheço essas características. A mim parece-me mais uma pessoa amorosa e amiga, sempre com alegria para dar e vender.

Vou passar a palavra à Maria, autora do blog Oh por favor..., desfrutem.

 

Querida C.S. obrigada pelo teu convite. Gosto muito, muito desta rubrica e foi uma agradável surpresa receber o teu e-mail ;)

Fiquei durante algum tempo sem saber sobre que viagem falar (não que seja muito viajada) mas pensei: “que viagem foi diferente de todas as outras?”…

Tenho uma família de coelhos, como tal sou a orgulhosa portadora de 10 sobrinhos (com respetivos acréscimos conjugais e 2 rebentos) – Sim… 10!

Num dos aniversários do bebé da tia “Tomás-de-sua-Ivone” oferecemos-lhe 2 bilhetes para ir a Newcastle ver uma partida entre a equipa da casa e o Chelsea. Pois que o moço tem uma cena com a equipa desta localidade e assim podia ir com a sua R.

Não demorou muito para que o irmão (o meu Mái’velho) e cunhada (a minha B), a irmã (S’pé Sobrinha) e eu (S’pé Tia, Ivone, Frodo, e tantos nomes carinhosos) lançássemos para o ar a ideia de levar os pequenos para que não se perdessem!... (lá se foi a possibilidade de uma mini lua-de-mel).

Assim foi! Muitos planos, contagens decrescentes e chegou o gelado dia de janeiro em que voámos até Londres. Não tenho como vos descrever num único post toda a parvoíce que sucedeu desde que nos encontrámos…. Seria impossível.

Tower[2084].JPG

 

A saber: tínhamos cerca de 6 horas disponíveis na capital do Reino Unido pelo que optámos por andar num autocarro de sightseeing, sempre deu para ver os pontos mais emblemáticos. Demos uma voltinha na London Eye e corremos para apanhar o comboio em St. Pancras com destino a Newcastle.

A terreola medieval foi uma agradável surpresa… E palco de gargalhadas únicas!

Desde pedirmos direções e toda a gente nos mandar para “O” monumento. (Como assim O? Só nesta rua há vários…) E descobrirmos que era o “Marquês de Pombal” lá do sitio, a decidirmos andar até um jardim que só ficava a 2.6 km que afinal eram milhas… (4.2 km), a aproveitar mini-pocinhas de gelo para fazer poses de patinagem artística (só cabia 1 pé tal a quantidade de gelo) e “os miúdos” andarem a simular cross country ski. A descermos do quarto á noite e percebermos que estava a nevar e, como Lisboetas/Margem-Sulianos que somos fizemos uma senhora festa – o rececionista do hotel ia-nos matando. (Aparentemente 3 dias antes tinha tido neve até aos joelhos, claramente não percebeu o nosso entusiasmo!!!)

Monument[2086].JPG

 

Mais um passeio de comboio e descobrimos Tynemouth, uma pequena localidade linda, linda.

Tyne I[2085].JPG

 

Tyne III[2087].JPG

 

Durante a viagem, e porque aparentemente atraímos malucos, apanhámos um passageiro a ler uma revista. Num 1º reparo diríamos que era míope tal a distancia que tinha da dita… afinal não. Estava só a lambe-la… e trazia um saco cheio de vários exemplares!

Eles foram experimentar fish and chips e “as miúdas” acabaram a comprar “o capitão dourado” (por estas terras vende-se “massajadores faciais” por 2£ nos WC’s dos pubs…)

Bom! Resumindo, o Tomás e a R foram ver o jogo, os restantes ficaram no pub ( J). No final da partida em que miraculosamente o NC ganhou apanhámos novamente o comboio, desta feita para Edimburgo. Linda, Linda Edimburgo!

Passo por um grupo de moços bem compostos todos eles de kilt. Faço à minha B. a pergunta da praxe (em bom português): “Será que trazem alguma coisa por baixo?”…

Sim, eram portugueses… Sim, viemos no mesmo voo de regresso!

 

Gostaram do relato divertido da nossa Maria? Ficaram com vontade de visitar o Reino Unido? Partilhem connosco as vossas opiniões.

Eu, para estes lados, só conheço mesmo a cidade de Londres, mas é uma zona que quero muito conhecer mais e melhor.

Maria, foi um gosto ter-te aqui comigo. Obrigada pela visita.

15
Jun17

8. Às quintas viajamos...

C.S.

Boa quinta-feira e bom feriado!

 

Como estão? Sei que devem estar animados, pois uns estão de férias, outros vão aproveitar para fazer ponte e ainda há aqueles (como eu) que, não estando numa situação, nem noutra, dão graças por esta pausa a meio da semana. Verdade?

Num dia feriado tínhamos de apresentar um convidado ilustre, um que seja atento e tagarela, que gosta de comentar a vida alheia, mas sempre com um sentido de humor extremamente apurado. Senhoras e senhores... Giló - O Papagaio Indiscreto, vamos deixá-lo voar...perdão...viajar!

 

Viagens às quintas...não!  Viagens em quinta!

   C.S., eu sei que tu gostas meeeeeeeeeeesmo muuuuuuuuuuuuito de mim e que me adoooooooooooras, porque que eu sou muito charmoso e fofinho e, até, fofo e adorááááááááável...  mas eu já tenho responsabilidades de sobra - escrever no teu blogue vai-me obrigar a um esforço enorme, como, por exemplo, lavar e polir as penas e eu já tomei banho este ano, pelo menos uma vez!

   Chega-me agora a notícia de que andas à procura de viagens! Olha, "C.S...zinha"...querida... podias sempre procurar na Abreu ou na Cosmos. Na Halcon já não te recomendo tanto, que uma vez me prometeram uma piscina e quando cheguei ao sítio não havia lá piscina nenhuma, só uma velha desdentada a receber-me  no condomínio com um coelho de peluche entalado no decote... o letreiro dizia: " Habitación de la iluminura roja" - que é coisa que nós, ainda hoje, andamos para entender...

   ...e fiquei de molho num banheira minúscula, do tamanho de um bidé! Quase lá nem cabia o meu objeto reprodutor. Mas, enfim, os pirilaus também não se medem só aos palmos e há uns que são maiores que outros... eu lá me consegui ajeitar! Quanto ao coelho da senhora, eu julgo que houve ali alguma troca de moradas! O call-center da Halcon enganou-se, de certeza! Bem...adiantemos, que eu tenho a roupa na lixívia e os pintaínhos para ordenhar!!

  Mas porquê um problema de sobra? A coisa é que a C.S. me veio perguntar por viagens e só agora é que reparámos que ainda não fomos a lado nenhum!!!! À casa da namorada conta? É que se conta, eu já lá fui!!! - de Renault 5... furei um pneu num caminho de cabras que só tinha calhaus e acabei capotado na berma do dito, todo escangalhado e com o bólide manhoso virado que nem um catrapilo, junto a um pinheiro, que quase vinha contra nós, o sacana!! Eu acho que o acidente aconteceu porque íamos com muita pressa, "em quinta"... tal a excitação de encontrar a amada! Sobraram alguns cortes nas mãos e nos braços e uns vidros  no cabelo e nas bochechas, e junto aos OLHOS!... e um amolgamento na chapa da alma e no orgulho próprio... acho que é por isso que o Miguel Esteves Cardoso diz que "O Amor é F.."

   Também não sei se conta de uma vez que fomos a Bordéus e parámos a tomar banho na praia da Biarritz, para lavar o sovaquinho formoso e mal-cheirante... porque reparámos que os banhos, naquela aldeia, custavam trinta e dois euros (sem direito a champô!). Se essa viagem contar, então, fomos a Bordéus... e só tomámos o pequeno-almoço já no fim... que na chiquíssima Biarritz um coissant raquítico também custa(va) doze euros... e um sumo natural dezoito! Foi a primeira refeição minimalista a dar uma indigestão aqui ao Papagaio!

   Se a viagem à Biarritz e a Bordéus não contar, então pode ser que conte a Paris, à Disney - nessa altura a coisa não foi mais pacífica, surpreendidos por filas enormes que demoravam horas a mexer, para andar de carrossel durante trinta segundos. Às tantas, a espera chegou a tais termos e que tantos, que um iogurte que levávamos na mão passou da validade! O Papagaíto contratou os serviços de um advogado para me instaurar um processo judicial, por maus tratos e acúmulo de tédio!

   Se Paris não contar,  também já fomos a Portimão para um retiro espiritual - foi preciso rezar para lá chegar, que a carrinha que levava a pandilha partiu os pistons e foi preciso vendê-la a meio do caminho. Chegámos depois da missa já ter acabado (há dois dias!) e quando voltámos mudámos de religião.

   Para ser franco, não há nada como ficar em casa! Um dia, um fedelho perguntou-me qual era a minha viagem de sonho preferida. Ao que eu respondi, muito C.S.inceramente, e passo a citar-me: "... a minha viagem de sonho faço-a, felizmente, todos os dias - é daqui para casa, ver os meus, depois de um dia de trabalho e canseiras!"

Das viagens mais sérias e longas que fiz, não conto, sob pena de ser acusado de terrorismo!

Saudações

Papagaio

 

(Imagem aqui)

 

Este papagaio é bastante viajado, de outra forma não poderia ser, pois seria um desperdício de asas.  Imaginem que até já foi a Portimão!

E no fundo também é um romântico, não concordam? Só isso explica o último parágrafo...

23
Mar17

Era só isto que eu queria...

C.S.

Vamos fazer um exercício de visualização, pode ser?

Imaginem uma pilha enorme de trabalho à vossa espera, uma assim mesmo grande, não tenham medo de ser hiperbólicos. Depois imaginem uma rapariga (gira, pois claro), completamente cansada, como se estivesse à beira de esgotar as suas forças.

Conseguiram imaginar? Sim?

Boa! Olá, prazer, sou a C.S.

 

É assim que estou... Tenho uma montanha de trabalho a chamar por mim e estou completamente zonza de cansaço, ao ponto de me apetecer pegar em mim, atirar-me para o chão e fazer uma birra.

Não, não estou a exagerar. Sabem do que eu precisava? De qualquer coisa que se assemelhasse a isto:

91def0f2fc1fd8b20b1e69b8a3dc3400.jpg

885cdbcae706a6af2d48a1fd2d6f1c98.jpg

1a572909c90caef5e3e00689aadd7025.jpg

504019135c06417fe02b36d6fcff307d.jpg

(Todas as imagens foram retiradas do Pinterest).

 Posto isto, pensando que ainda agora são quatro da tarde e que amanhã ainda é sexta, alguém me pode dizer como é que hei-de sobreviver???

16
Mar17

Hoje é dia de This is Us

C.S.

É verdade, hoje é quinta feira e, às vezes, eu penso nos dias da semana de acordo com as séries que vejo. Agora as quintas, para mim, são dias de This is Us.

Ao contrário de algumas pessoas, não fiquei totalmente apaixonada à primeira vista, que é como quem diz ao primeiro episódio. Mas rendi-me após o terceiro, porque, de facto, serviu para constatar que esta série é mesmo surpreendente, ainda não houve um episódio que não sofresse uma qualquer volta que me deixa a pensar: "a sério???".

Gosto muito da forma como a ação alterna entre o presente e o passado, sem avisos prévios, fazendo com que estejamos 100% atentos ao que se está a passar. E depois tem os magníficos personagens que nos cativam de tal forma que vamos vivendo com eles uma montanha russa de emoções.

 

Vejam, na FoxLife, às 22:20h.

 

 (imagem aqui)

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos de Autor

Todos os textos contidos neste blog, regra geral, são da minha autoria e, caso não sejam, serão devidamente identificados. Qualquer reprodução de um texto aqui publicado só poderá ser feita mediante a minha autorização. Para qualquer contacto ou esclarecimento adicional: hamaremmim@gmail.com Obrigada

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D