Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

há mar em mim

26
Jan17

O senhor que se achava mais importante do que aquilo que era na realidade

C.S.

Era uma vez um senhor que se achava imensamente importante. Este senhor achava-se tão importante que queria que lhe reconhecessem tanta importância quanto aquela que o sol tem para os habitantes da Terra. Por isso, o dito senhor pintava todos os dias a sua cara de laranja. Era um trabalho moroso, mas ele não abdicava dele. Estava determinado, nada o ia impedir de realizar o seu sonho.

 

Na esperança de conseguir atingir os seus objetivos, o senhor fechou-se um dia inteiro na sua torre gigante e começou a pensar como poderia conseguir simpatizantes. Que teria ele de fazer para que muitos o ouvissem e acreditassem naquilo que ele dizia? Afinal, se ele tivesse muitos seguidores mais facilmente conseguiria o lugar de destaque que tanto ambicionava. Após o retiro a que se submeteu o senhor tinha traçado o seu plano do mal. E era do mal porque ele não iria olhar a meios para atingir o seu glorioso objetivo.

 

Começaria por dizer exatamente o que os seus seguidores queriam ouvir. Depois de os conquistar, sacrificaria o que fosse necessário: a liberdade, o planeta, a tolerância, as relações de amizade com amigos de longa data… Tudo era válido para ele. Nada nem ninguém o iria impedir.

 

98694ff88b20bb1b5579593f0753cdd8.jpg

 

 

Amigos, a verdade é que esta história ainda está a ser escrita, o senhor já se sente tão importante quanto o sol e já conseguiu uma nova casa que lhe atesta essa mesma importância, não sabemos se continuará a destruir o planeta e os sonhos daqueles que o rodeiam, mas mantemos a esperança de que, não podendo ter um final feliz, esta história possa não ter um final trágico.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Direitos de Autor

Todos os textos contidos neste blog, regra geral, são da minha autoria e, caso não sejam, serão devidamente identificados. Qualquer reprodução de um texto aqui publicado só poderá ser feita mediante a minha autorização. Para qualquer contacto ou esclarecimento adicional: hamaremmim@gmail.com Obrigada

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D